VOLTAIRE, AGENTE SECRETO EM HAIA.





Uma notícia que causou frisson no decorrer da semana foi veiculada pela revista História Viva de que Voltaire seria espião em Haia, sei que o assunto que está em voga no blog é sobre Guerra Fria, mas as ações desta guerra englobam rede de intrigas, artefatos nucleares pesados e é claro espionagem, por isso aproveito a oportunidade para postar a respeito de Voltaire. 



Desde sua chegada a Haia, então capital da República das Sete Províncias Unidas dos Países Baixos, em 27 de junho de 1743, o filósofo e escritor Voltaire frequentava assiduamente a sociedade local. Sua celebridade atraía igualmente muitos visitantes à embaixada da Prússia, onde residia. Ali, Voltaire escrevia com frequência. 




Em 1º de agosto de 1743, estava no escritório do embaixador da França escrevendo. Quando terminou, estendeu seu manuscrito ao Sr. De Fénelon, o embaixador: "Senhor marquês, poderíeis ter a bondade de ordenar a transcrição desta carta em linguagem cifrada, antes de enviá-la ao Sr. Amelot [secretário de Estado para Assuntos Estrangeiros]?"



Chega a ser surpreendente que Voltaire se dirigisse em linguagem codificada a um ministro do rei francês, pois o escritor deixara a França muito castigado pelo poder. A Academia Francesa o rejeitara. Na véspera da primeira representação de #A morte de César#, a polícia proibira a trupe da Comédie Française de interpretar sua tragédia. Essas afrontas o exasperavam. Ele viajou para os Países Baixos proclamando que se dirigia à Prússia, onde seu amigo Frederico II o acolheria de braços abertos. 



Na realidade, essa ruidosa desgraça servia como camuflagem: a França afrontava a Áustria e a Inglaterra na Guerra da Sucessão da Áustria, e Voltaire foi secretamente encarregado por Luís XV de sondar as intenções do versátil rei da Prússia, Frederico II. Amante das artes e mecenas de artistas e escritores, o monarca prussiano mantinha, desde 1736, uma relação epistolar com Voltaire.

A partir de 9 de junho de 1743, Voltaire começou a receber da coroa francesa 8000 francos para suas despesas e um ano de pensão. Foi nessa ocasião que recebeu o convite do rei da Prússia: "Venha para cá", escreveu-lhe Frederico no dia 15. Não podia ser melhor.

Em Haia, a caminho de Berlim, Voltaire foi acolhido pelos holandeses. Mas não se iludia: "Eles amam alguns indivíduos em particular, enquanto ao mesmo tempo odeiam a França". Voltaire percebe a repugnância do país em se colocar ao lado dos ingleses, que acabavam de vencer os franceses em Dettingen, às margens do rio Meno. Ficou sabendo que a Inglaterra enviara às tropas holandesas armas e munições por meio de barcos que atravessariam os domínios de Frederico II, e conseguiu detê-los.

Em 21 de agosto, Voltaire iniciou a viagem para Berlim. Durante mais de um mês, o rei prussiano e ele se entregaram a um verdadeiro jogo de máscaras, pois Frederico II logo descobriu as intenções do visitante. Apesar do que escreveu em suas #Memórias#, o filósofo não obteria garantia alguma: "O único recado que eu posso dar para os franceses é aconselhá-los a se conduzirem mais sabiamente do que têm feito até o presente".

A guerra terminou apenas em 1748, com o Tratado de Aix-la-Chapelle. Frederico II optou por não correr riscos e conservou sua conquista, a Silésia. Já o francês Luís XV não conseguiria manter nenhuma das suas.

Voltaire permaneceria novamente na corte do rei Frederico II de 1750 a 1753. Mas a presença excessiva prejudicou a amizade. O filósofo e o monarca se afastariam, à beira do rompimento. Continuariam a se escrever, mas jamais se reencontrariam.

Texto extraído da revista História Viva - edição 82 - Agosto de 2010.
Autor: Michel Couty pesquisador especializado no século XVIII.


0 comentários:

Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos por mim (Randerson Figueiredo) antes de serem publicados. Não serão aprovados os comentários:
- não relacionados ao tema do post;
- com pedidos de parceria;
- com propagandas (spam);
- com link para divulgar seu blog;
- com palavrões ou ofensas a pessoas e situações;

OBS: Se você caro leitor quiser material deste blog para pesquisa ou outra finalidade basta entrar em contato comigo preenchendo o formulário que fica na parte superior no canto direito desta página com o nome FORMULÁRIO DE CONTATO, que o mais rápido possível entrarei em contato com você.